sábado, 14 de julho de 2007

A Fundação António Prates em Ponte de Sôr

Inaugurou ontem em Ponte de Sôr a Fundação António Prates, sedeada numa antiga moagem que foi integralmente recuperada, com uma exposição de arte contemporânea. Não posso falar da coerência da colecção, pois estas ocasiões de festa (e de trabalho para alguns) não nos permitem tão pouco ver com atenção ... No entanto, só para ver o espaço e os quatro belos trabalhos de Helena Almeida com que a exposição começa valeu a pena a viagem. E os espaços exteriores, ao fim de um dia do calor, com bancos e ervas da escolha de Leonel Moura foram uma surpresa fantástica. Claro está, havia muitas (mesmo muitas) obras do Portugal dos setenta em diante. Mas lá voltarei para as ver com um pouco mais de calma do que ontem.
Parabéns a Ponte de Sôr e ao Alentejo!
Postar um comentário