domingo, 19 de agosto de 2007

O cante alentejano e Sta Bárbara dos mineiros


Ontem, em Milfontes, houve o 19º encontro de coros alentejanos. Com grande pena dos presentes, Castro Verde não pôde estar.
Mas esteve o Cercal, Odemira, Vila Nova Milfontes e, cantando o Alentejo, esteve ainda a Baixa da Banheira.
O som era mau ... que lástima, mas o cante esteve no ar ... e cantou-se bem.
O mais forte da noite foi a homenagem aos mineiros que desaparecidos no mundo, fruto dos terremotos que assolaram ultimamente algumas regiões, ou de alguns desabamentos, tornou a noite num arrepio ....numa oração geral à força dos homens que na terra lhes descobrem as entranhas. Fantástico, sim!
Pena, sim, o som, que era mau e a pouca gente que assitiu ... porque fado como este ... não há em Portugal!
E que bem que o cante canta o Alentejo que é o seu.
Postar um comentário