terça-feira, 6 de abril de 2010

Miróbriga: uma oliveira que teima em viver ...


E, contudo, tantas vezes já fui tentada a arrancá-la do chão!
Postar um comentário