quarta-feira, 1 de maio de 2013

A Ammaia está de parabéns! E hoje lhe regressarei ... (actual. Março 2010)

















A Fundação Gulbenkian atribuiu o prémio «Vasco Vilalva - Para a recuperação e Valorização do Património" à Fundação Cidade de Ammaia.
Este prémio visa distinguir as instituições que se evidenciaram na Salvaguarda do Património, tendo considerado que o trabalho de investigação e de Apresentação ao Público desenvolvido nesta cidade romana - fundada no século I a.C. com ocupação até ao século VII - se bem que gradualmente abandonada a partir do século IV, deveria ser destacado.

Este núcleo urbano cujas estruturas arqueológicas melhor conhecidas são a sua Porta Sul, as termas e o podium de um templo, parece ter tido cerca de 20 hectares, defendendo os arqueólogos a existência de uma basílica, um teatro e de um anfiteatro.

Na mesma altura em que foi homenageado o trabalho aqui desenvolvido, foi apresentado o projecto «Radio-Past» -Radiografia da Cidade Romana de Ammaia», que pretende através de métodos e abordagens integradas e não destrutivas contribuir para "compreeender e valorizar sítios arqueológicos complexos".


Sobre este Sítio Arqueológico, poderá consultar:


http://www.portugalromano.com/20...


.................


Vale a pena, portanto, persistir!
Hoje o dia será dedicado a pensar no seu Museu.


.................
Se puder, aproveite bonita luz do Outono, vá até ao Alto Alentejo e quede-se por Marvão, porque vale mesmo a pena estar e conhecer.
Postar um comentário